Arquivo da tag: limpar

Limpando os dados do Docker em sua máquina (containers e imagens)

Olá,

Quem utiliza Docker no dia-a-dia sabe que ele deixa muitos lixos na máquina em que está rodando, principalmente se você fica criando containers de teste como eu.

Quando você sai do container o Docker não apaga eles automaticamente, o que vai enchendo o disco e você acaba recebendo o erro: No space left on device.

Como eu passo por isso sempre, resolvi fazer uma sequência de comandos para copiar e colar no terminal, a fim de que o ambiente fique limpo denovo.

docker rm -v $(docker ps -a -q -f status=exited)
docker rmi $(docker images -f "dangling=true" -q)
docker volume rm $(docker volume ls -qf dangling=true)

 

Espero ter ajudado com este artigo.

Obrigado e até o próximo post pessoal.

 

PHP – Script para executar uma limpeza de e-mails inválidos e ruins em um arquivo

Olá,

Por muitas vezes precisamos exportar uma base de e-mails para ferramentas de e-mail marketing e ao importar a base de dados nessas ferramentas por diversas vezes são importados e-mail inválidos, escritos de forma incorreta, faltando um ponto e ao enviar uma campanha a ferramenta detecta esses problemas e o IP do sender do e-mail marketing é bloqueado.

Para resolver estes problemas, resolvi criar um script para remover os e-mails que são considerados como inválidos (ex.: aqueles domínios de e-mails temporários, que um usuário usa só pra se cadastrar no seu site e que no final você é prejudicado por enviar um e-mail para estes domínios) e para consertar os domínios mais comuns escritos de forma errada.

Analisei uma base real de 300mil registros e detectei que apenas 1/3 da base continha e-mail escritos de forma correta e com domínios válidos através de um script que fiz para saber quantos e-mail estavam escritos errados e quantos continham domínios inválidos antes de realmente corrigir. De toda a base, apenas 5 e-mails tinham domínio inválido e mais de 200mil usuários escreveram o domínio do e-mail de forma incorreta, ex: Ao invés de @gmail.com colocavam @gmai.com ou @gmailcom.

Após o término do script o processo removeu apenas 5 dos 300mil e pude ainda usar os outros 299995 como base limpa.

Agora você imagina o quanto de melhora em relação aos resultados do e-mail marketing pôde ser obtido com este simples script.

 

Baixe o script gratuitamente no repositório:

https://github.com/prsolucoes/clean-emails

 

Não é obrigatório, só peço que as novas regras que forem úteis e puderem ser compartilhada, que você faça um pull-request para que cada vez mais o script fique melhor.