Arquivo da tag: auto

Usando o auto-update do Fastlane

Olá pessoal,

Recentemente tivemos um necessidade de fazer com que o Fastlane (ferramenta para deploy contínuo – http://fastlane.io/) fizesse a atualização de suas dependências automaticamente, isso inclui todos esses caras:

cert, credentials_manager, deliver, fastlane, fastlane_core, frameit, gym, match, pem, pilot, produce, scan, screengrab, sigh, snapshot, spaceship, supply

Toda vez que vamos usar o Fastlane para subir as aplicações tem atualizações novas de suas dependências e que muitas das vezes gera algum erro no envio e não conseguimos subir os aplicativos até que atualizemos manualmente as dependências necessárias com o comando “gem update …” e depois começamos o processo novamente de deploy.

Isso é bem chato, então a primeira coisa que pensei foi em adicionar o “gem update” em nossa ferramenta de integração contínua, GoCI (http://github.com/prsolucoes/goci), antes de fazer as chamadas ao Fastlane.

A segunda opção era buscar na documentação para saber se existe alguma coisa pronta para este problema, e foi ai que achei o comando “update_fastlane”. Após olhar a documentação e realizar alguns testes, resolvi escrever o passo-a-passo para implementar isso. Vamos à prática:

  1. Adicione no início do seu arquivo Fastfile, antes de qualquer coisa, esta linha:

    update_fastlane

  2. Adicione as seguintes linhas ao seu arquivo “.bash_profile” ou “.bashrc”, que fica na pasta do seu usuário, ex (nano ~/.bash_profile):

    export GEM_HOME=~/.gems
    export GEM_SPEC_CACHE=$GEM_HOME/specs
    export PATH=$PATH:~/.gems/bin

  3. Execute o arquivo modificado com o comando “source”, ex:

    source ~/.bash_profile

  4. Atualize o rubygems e o gem:

    gem install rubygems-update
    sudo gem update –system

  5. Instale suas gems novamente, as que você usa. No meu caso era o fastlane e cocoapods, então fiz assim:

    gem install cocoapods fastlane –no-ri –no-rdoc

Com tudo isso feito, você já preparou o seu ambiente e atualizou tudo o que é necessário para que o auto-update do fastlane funcione. Agora basta você executar suas tarefas do fastlane que ele vai executar o auto-update antes de tudo.

Obs: Nós definimos uma novo diretório para as “gems” do ruby porque sem isso o fastlane irá reclamar que a pasta de “gems” é do usuário root (sendo necessário fazer um sudo + comand) e não sua.

 

Espero ter ajudado com este artigo.

Obrigado e até o próximo post pessoal.

Mac OSX – Desabilitando o ganho automático do microfone no Skype

Olá pessoal,

Este pequeno artigo é para ajudar a todos os que possuem um “problema” comum no Skype para mac/osx que é o “auto ganho” do microfone.

Este recurso que eu chamei de problema é bem incômodo, pois toda vez que entramos em uma call no Skype numa sala com barulhos externos, o ganho vai aumentando cada vez mais e as pessoas do outro lado da ligação acabam ouvindo todo o barulho externo, tornando a ligação impossível e confusa.

A solução é bem simples, basta adicionar-mos uma tag no XML de configuração do Skype e o problema é resolvido.

Siga os passos:

1 - Abra o aplicativo Terminal no seu mac/osx
2 - Digite:
open -a /Applications/TextEdit.app ~/Library/Application\ Support/Skype/shared.xml
3 - Procure pela tag "<VoiceEng>".  Abaixo/dentro dela adicione a tag: <AGC>0</AGC>. Ficando +/- assim:
<VoiceEng>
    <AGC>0</AGC>
    ...
</VoiceEng>
4 - Salve com COMMAND+S, feche o editor e pronto.

 

Obrigado e até o próximo post pessoal.

PHP – Configurando o PHPStorm 7/8 para reconhecer o YiiFramework

Olá pessoal,

Tenho visto que algumas pessoas que usam o PHPStorm 7/8 não estão conseguindo acessar recursos dinâmicos e interno do framework Yii (www.yiiframework.com) em seus projetos. Vou usar como exemplo para este post o projeto open-source que disponibilizei no GitHub e que também usa o Yii Framework:  https://github.com/prsolucoes/PHPDefaultProject/.

Para resolver este problema, a solução é simples e só demanda configuração diretamente pela IDE, porém de forma resumida precisamos “dizer” a IDE aonde está a pasta raiz do nosso projeto e excluir o arquivo “yiilite.php” da indexação do PHP.

Para isso acesse as configurações/settings do seu projeto e procure pelo menu “PHP > Framework Integration”. Marque a caixa “Enable framework integration” e ao lado selecione na lista a opção “Yii”.

Abaixo disso você terá uma treeview contendo as pastas e arquivos do seu projeto. Procure pela pasta “protected” e ao lado do nome da pasta(na coluna da direita da treeview) se você clicar aparecerá uma série de opções possíveis para você dizer à IDE o que esta pasta representa na integração com o YiiFramework, marque a opção “application base directory”.

Agora do lado esquerdo, procure pelo menu “File Types > PHP files (PHP)”. Na parte inferior do lado direito terá uma caixa de texto com a informação “Ignore files and folders”. Edite indo até o final dos arquivos já ignorados, acrescente um ponto e vírgula (caso já não tenha) e adicione o texto “yiilite.php;” (sem as aspas, claro).

Clique em OK na parte inferior da IDE e espere o índice do PHP ser refeito.

Faça um teste com o código de exemplo:

Yii::app()->db->create[aperte control+espaço ou command+espaço se for mac e verifique se aparece os possíveis comandos do Yii]

Segue algumas imagens do processo:

 

Um abraço e até o próximo post pessoal.